maio 05, 2009

Eu reclamo

Ah eu reclamo sim. Reclamo de como estou me sentindo. Reclamo por estar assim.
Eu reclamo, porque dizer pra mim mesma que estou agindo errado já não adianta. Então eu converso com Deus e mais uma vez reclamo.
Eu me sento, eu reflito e nada. Grande vazio esse que se instalou na minha cabeça. Então eu converso mais uma vez com Deus. Só ele pode me ajudar. Mas enfim, não sei como chamar a sensação que eu estou sentindo.
Hoje vou assistir aula a noite, querendo não ir. Querendo ficar no meu quarto, me lamentando com as memórias do passado. É, hoje estou assim.
E mesmo assim não sei dizer como eu me sinto.
Agora estou feliz e tenho saudade. Saudade de tantas coisas que vivi, e droga! Elas não saem de mim. Elas não me deixam... Elas me perseguem, e eu só quero fugir. Elas me machucam porque são tão bonitas e eu já não as tenho.
São só lembranças. Apenas isso.

Mas eu insisto. Já não evito mais perder meu tempo. Estou em busca de algo que não sei o que é.
Eu vou me arrumar para a escola, passar batom e talvez lápis preto. Pegar a mochila, pensar no tempo. Trancar o quarto e guardar as chaves na mochila. Levar a mochila num ombro só e ficar com dores. "Reclamar das dores". Mas como sou idiota! Eu mesmo causo essas dores.
Eu vou pegar o dinheiro do ônibus e já deixar na minha mão. Talvez tomar açaí. Talvez colocar a mochila nos dois ombros. Eu vou. Eu vou. Eu vou.
Chegar na Escola e dar boa noite para alguns. Eu vou observar alguns. Eu vou beber água. Vou me sentar na carteira e assistir a aula.
Na volta vou pegar o ônibus lotado. Vou ter que escutar a conversa dos alunos, no ponto de ônibus. A maioria são homens. Eu tenho que escutar conversa de homem!
Vou andar pela rua 17 e caminhar até minha casa. Vou pensar em comida. Vou me sentir triste. Quando eu chegar em casa não vai ter ninguém. Meus avós estarão dormindo. Minha mãe está longe.
Vou tomar banho e me sentir sozinha.
Vou vestir uma roupa confortável e nada vai mudar.
Vou visitar meu orkut, com uma putz carencia. Vou me sentir triste. Vou pensar em tudo. Talvez eu pegue algo pra estudar.
E mesmo assim eu vou continuar pensando e insistindo. Vou reclamar de alguma coisa dentro de mim. Vou me sentir pela metade. Não vou saber o que é que estou fazendo. Vou orar. Vou dormir. Vou sonhar alguma coisa. E amanhã tudo vai ser novamente abstrato. Tudo vai ser novamente tão chato.
Estou atrasada e tenho que ir.

5 comentários:

Kàh disse...

"Estou em busca de algo que não sei o que é."
Amei... às vezes me sinto incompleta... me sinto infeliz... e não sei o que falta... não sei como conseguir ... me sinto frustrada.
Bjux ... e brigada por comentar meus posts.

Às disse...

Não sei porque a gente tem que se sentir tao merda as vezes, so sei que isso parece que dura pra sempre e uma puta sacanagem.
uma merda.
q nem meu coentario.
(Y)

Dark and Light disse...

Poxa Teph muito bom o post
estou com saudade de você sabia, realmente não faz uma semana q a gente naum se fala por ai, mas deu saudade, você é uma dakelas pessoas q fazem falta, tem q ter uma dosesinha diaria de tu, q nem um licorzin XD
Poxa eu as vezes fico assim tambem, eu reclamo tb, tambem sinto dores, mas vou vivendo néh
e você tambem vai, e vai superar esses quaisqueres q te pertubam. Queria muito mesm poder morar mais perto pra te ver mais vezes e tu naum se sentir assim sozinha, mas enfim você naum está sozinha de tudo hehe
um grande abraço
beijão
te adoro

(COLONi' disse...

O que é a rotina, não?

Muitos tem uma...

Tão diferentes e tão iguais...

Para mim, mostrou a simplicidade de uma rotina. Muitos a fantasiariam, enchendo-a de comparações desnecessárias, metáforas absurdas e termos sem real função. Um bom texto, li sem nenhuma complicação e entendi tudo no final. Sim...um bom texto. Difícil de achar.

Ah...eu gosto da minha rotina...não escuto conversa de homem, pois não tenho muita gente com quem converse, mas não sinto uma mínima falta.

Até outra vez.

• || Rai || • disse...

Uau, simplesmente...
Nossa, parece que vc adivinhou como estou me sentindo agora... tudo está chato, tudo está sem graça e vem aquela onda de tristeza. É tão estranha esta sensação, parece que nada faz sentido, tanto faz XD
E a gente reclama mesmo, não tem jeito, haha

Podicrê, conversa de homem, affs... ¬¬'

Bjus