junho 29, 2009

É que...


Alinhar ao centro
Sabe de uma coisa?

Você...

...Me deixa aqui, engavetada, com a cicatriz aberta.
Nem é mais ferida.
Me deixa aqui, agonizando, com sua ausência.
Não é mais dependência.
Me deixa seis horas; talvez vinte e quatro.
Me abandona dois meses; talvez um ano.
Me deixa aqui. Nem se lembra de mim.

Me deixou descalça.
Me deixou sem alma.
Me fez ficar agitada,
e não conseguir dormir.

Me deixa tristonha, quando lembro da dor.
Me deixa feliz, quando lembro do amor.


Você..
.
...Não desgruda de mim.
Não me abandona...

É que eu reclamo; me faço lembrar.
É que eu me tranco, ao invés de sonhar.



22 comentários:

Innocence disse...

Espere o tempo certo para o amor, se ele se vai, espere ele pode voltar pra seus braços, é inevitável a dor, mas depois da tempestade vem a calmaria.

Eu não acredito que estou falando isso pra você, é como se minha vida fosse um mar de rosas!

Mas espero que tudo melhore! Obrigado por existir!

Vana disse...

Oi Linda, que bom que voltou, como ce ta?Adorei o texto!Boa semana pra ti, beijocas!

Dark and Light disse...

O amor tem um tempo certo mesmo, quando ele chegar a dor se vai, pois o amor é mais forte que a dor, ele sabe espantar ela da maneira mais certa, então espere com calma.
We Will find Love o/
bjs Teph

Lord Kelvim From Darck disse...

É que eu reclamo; me faço lembrar.
É que eu me tranco, ao invés de sonhar.

adorei!!!

tbm vou te seguir^^

bjos

Amanda disse...

Todos nós nos trancamos em situações críticas. Fato. O texto tá ótimo. ^^

• || Rai || • disse...

Affê, sem bem como é... a gente aqui pensando pensando, somente pensando nele ¬¬'

• || Rai || • disse...

P.S.: Incrível... o desenho do template tá muito parecida com a sua foto de perfil, hehe ^^

Amanda disse...

Eu também adoro. Na verdade, tudo que tenha a ver com vampirismo. ^^

mille. disse...

MEUUU DEUUUUUUUS, MUITO LINDO ESSE TEXTO!
PARABÉNS :)

steffany disse...

o tempo é o senhor da razão
e pai de todos os sentimentos
....
você pode chorar a noite toda, noite essa mais demorada da sua vida...mas a alegria vem ao amanhecer.
bjus!

Del... disse...

mto legal seu textooo...
expresso de uma forma bem peculiar...
bjao

Kelvin ;x disse...

Goostei muito do texto
Parabens pelo blog ae
Beijo

Vana disse...

ce mudou o desenho....mas esse tb ficou legal rsrsrs!Vim desejar um bom findi proce linda!Beijao!

Dark and Light disse...

Nossa tah arrebentando nos comments heim Teph hehe ^^

D. Sant'Anna disse...

Sabe de uma coisa?
Você...

Me deixou maravilhado
fez lembrar-me a nostalgia
do amor que tive um dia
que foi bom já ser amado

entre as ruas sem sustento
dentre as noites sem sossego
me lembrou que o tal de amor
também foi rima para a dor

mas não reclamo e nem metranco; a dor foi pouca
pois eu te digo, desconhecida; sonhar é minha roupa

Quanto ao dia primeiro de julho, a tal da quarta feira, agora você faz parte dela, pois comentaste em meu texto sobre ela.
Vá ao cinema na próxima quarta, leve uma amiga, um amigo, alguém que você goste de conversar. Tome um capuccino, uma agua ou quem sabe um chá qualquer enquanto joga conversa fora.
É o que vou fazer, porque você não tenta também e, na próxima quarta, tentamos juntos fazer um texto sobre nossas Quartas?

Sim, isso foi um convite.

Cuide-se, e pense no assunto.
Obrigado pelo comentário, me proporcionou um sorriso.

Ah sim: Verde é vida. Viver é um bom motivo para sorrir.

D. Sant'Anna disse...

ps: With or Without You

Ler o seu texto escutando essa música foi o gatilho pra minha imaginação, compreensão e interpretação.

Douglas N. disse...

A noite sempre é mais escura antes do amanhecer.
Louváveis textos pude contemplar por aqui. Tanto o seu, personificador da angústia; quanto o de Daniboy, formulou uma antítese de suas palavras, romantismo e "esperancismo" (sim, eu inventei esse período literário). Bem bacana o/

Lorde Croowel disse...

Defibnitivamente apaixonado por essa poesia...
*.*
Tipo curti muiitoooo..
quem nunca viveu esses sentimentos não viveu..
Muito bom!

Marcelo Alves disse...

Cheia de controvérsias interessantes.
Cheia de sensibilidade. Gostei do blog^^

Beijos ;*

O Seu Livre Arbítrio disse...

Oi, obrigado pelos comentários. Sobre aquela "mudança" no mundo, não necessariamente será em forma de catástrofes, mas sim comportamental, coisas que nós já vemos hoje em dia, até mesmo diariamente, como filhos matando mães, o amor banalizado, etc. Coisas absurdas que cada vez mais vai parecendo "normal".

Bonito poema, esses sentimentos, uma vez vivida, nos faz crescer.

Beijos. :D

Danii disse...

Passando por aqui e gostei bastante!
Bem legal o uso das palavras..
Bom texto *-*
Bj :*

Thássia Kamilla disse...

Nossa, achei linda essa poesia.
Não dá para ler e deixar de sentir algo, não dá para ser apenas mais um texto que foi lido...
Adorei mesmo *.*